Suicidado no CERESP Gameleira

01/04/2009
Boca aberta leva ensino dos coleguinhas. Parecia suicídio, mas...


X9 cantou pra subir


VESD, 42 anos, não suportou a atitude dos companheiros de cela no CERESP Gameleira: ao perceber que seus amigos iriam abandonar aquele ambiente arejado, de farta alimentação e conforto de SPA através de túnel construído à sorrelfa, denunciou os ingratos à administração da cadeia. Pra quê. Com muita raiva do conversinha, seus companheiros de infortúnio encheram ele de cacete. Mais: pra evitar que seus gritos acordassem os demais hóspedes da instituição, socaram-lhe goela abaixo uma toalha encardida. Pra arrematar confeccionaram uma Teresa e penduraram o ex-amigo nas grades. Lógico que ele agüentou pouco o castigo e, neste momento, já deve estar no Setor de Contabilidade do plano espiritual fazendo sua prestação de contas. O presunto foi encontrado ontem de manhã e, de primeiro, pensaram em suicídio. Mas assim que puseram reparo que suicida por enforcamento não fica tão lenhado na cara nem com tanto roxo no corpo, mudaram o ângulo de observação. Seis dos dezoito presos que dividiam com VESD a suíte de 8 metros quadrados da cadeia foram identificados como suspeitos de assassinato e engenharia ilegal– seriam os responsáveis pelo túnel - e receberam nova voz de prisão. Se condenados, podem acumular em suas fichas até mais trinta anos de pena.
 




Comentário

Nome:


Lista Telefônica
TeleListas.net


2009 © Conexão Mg 424 - conexaomg424.com.br